Home Blog Como treinar franqueados para operar uma franquia home office

Como treinar franqueados para operar uma franquia home office

09 set 2021

O modelo de atuação é uma alternativa mais econômica para o investidor e contribui com os planos de expansão da franquia, mas precisa de atenção para ter sucesso.

 

De olho nas tendências de mercado, o franchising brasileiro tem visto o home office como uma boa opção de modelo de negócio.
 

Para o franqueado, trabalhar em casa permite uma operação mais cômoda e com custos menores. E a franqueadora também é beneficiada, visto que o modelo mais acessível ajuda a acelerar a expansão. 
 

Entretanto, apesar desse formato funcionar bem para muitas marcas, trabalhar em casa pode trazer alguns desafios. Por isso, é importante saber como preparar o franqueado, principalmente para que ele entenda como gerenciar sua unidade e alcançar os resultados desejados em qualquer ambiente.  
 

Se a sua rede de franquias já tem ou está formatando franquias home based, é interessante criar um treinamento que aborde alguns pontos específicos. Veja quais são eles na sequência. 

Mostre a realidade do home office


Ao adquirir uma franquia home office, é natural que o investidor pense nas vantagens de trabalhar em casa, mas é preciso lembrá-lo também dos obstáculos que podem surgir. 
 

Como fazer a família entender que, mesmo em casa, o franqueado está trabalhando? De que forma lidar com as obras do vizinho que atrapalham a concentração? E o que fazer em caso de manutenção na internet? 
 

Essas e outras situações típicas do home office devem ser abordadas como forma de preparar o investidor para os desafios que ele pode enfrentar no home office. 
 

Aponte os comportamentos ideais 
 

Para trabalhar em casa, o ideal é que o franqueado já tenha um perfil de empreendedor disciplinado, bem organizado e que saiba usar bem o nível de independência dada pelo franqueador.
 

Mas também é interessante que o treinamento reforce como é importante que haja foco para desenvolver as tarefas mesmo que não haja cobranças diárias. Neste momento, aproveite para estimular o autocontrole, para que o franqueado defina seus dias e horários de trabalho, e a  automotivação, para continuar engajado na gestão da franquia até que ela alcance os resultados projetados. 

Informe a estrutura necessária


O apoio das ferramentas tecnológicas no dia a dia do gerenciamento da unidade é essencial para as franquias home office. São elas que vão garantir a interação entre franqueadora e franqueado, viabilizar a gestão do negócio e ajudar o franqueado a faturar. 
 

Além de um computador com acesso à internet, é importante que o investidor saiba quais equipamentos ele vai usar no dia a dia e como operá-los. Além disso, também vale apresentar no treinamento os softwares que farão parte da administração da franquia home based.  
 

O Solutto, por exemplo, é uma opção ideal para franquias que têm formatos de negócio em home office porque oferece um sistema de ERP no qual franqueador e franqueado podem acompanhar os números da unidade e fazer a gestão através de uma plataforma online. 

Ajude o franqueado a criar uma rotina


Embora o trabalho home based seja mais flexível e, muitas vezes, permita que o franqueado trabalhe quando e onde quiser, é conveniente que o treinamento fale sobre a criação de uma rotina para manter a organização do negócio. 
 

Para isso, é necessário entender como a gestão da franquia vai se encaixar na vida do novo investidor e informar quais são as atividades diárias ou periódicas que devem ser realizadas.

Oriente sobre a comunicação à distância


Ter uma comunicação frequente com o franqueado fará com que ele se sinta mais seguro nos desafios do seu negócio, por isso, a utilização de plataformas de comunicação tornará essa ponte mais simples e eficiente. 
 

Além de utilizar os módulos de extranet e de abertura de chamados do Solutto, uma boa opção é recorrer ao Mokaly, uma ferramenta de videoconferências e chats que usa a visualização de mapa virtual do escritório para tornar a comunicação mais simples e produtiva para o franqueado e o franqueador. 

 

Deixe um comentário

Comentários


Seja o primeiro a comentar.